23 outubro 2015

Resenha de O Manuscrito

Hoje é dia de resenha!
Finalmente, depois de dias, com a folga mais que merecida, eu consegui terminar essa leitura.

O Manuscrito é um livro de Chris Pavone, Editora Arqueiro.

Uma biografia polêmica chega às mãos de uma agente literária. Um manuscrito polêmico que, se publicado, acabará com a carreira de um empresário grandioso e destruirá a sua empresa. Isabel, a agente literária, fica em êxtase com o original que tem em mãos e compartilha com seu editor, Jeff, fazendo com ele não seja mais um segredo.

Cópias e mais cópias são feitas e várias pessoas começam a ter acesso a história. E a perseguição para que essas cópias sejam destruídas começam e deixam o livro eletrizante. Ninguém é mocinho ou bandido, pois cada um tem um interesse específico para que essa história não seja revelada.

Gatos e ratos se misturam, não deixando o leitor saber quem é bom ou ruim. A obra é bem dividida em pontos de adrenalina da fuga e perseguição do manuscrito. Cada personagem tem um ponto principal e não podem ser tratados como meros figurantes. Não há como se apegar a somente um personagem.

O livro começa diferente, pois a adrenalina da perseguição é inicial, deixando a leitura mais dinâmica e difícil de ser largada. Há partes tensas, com sequências que te deixam angustiada e cenas de ação de prender a respiração.

Adicione o livro no Skoob:

Onde comprar?

Nenhum comentário

Postar um comentário

© Plantão Online Todos os direitos reservados.
Criado por: Paola Patricio.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo